wibiya widget

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

! ! ! ! ! comidas . história real

 Vick Muniz
. .
*

massa à moda da casa
legumes verduras proteínas
várias especiarias

parecido com a infância
quando ela fazia
- nossa parceria :

com temperos meus
fiz uma comida
que a minha mãe me deu.

S. R. Tuppan
*

[acabei de comer,
estou como queria
: delícia e prazer

só não foi longe 
de onde o provimento veio:
alimento de mãe é seio!]
.*.

! após o jantar, o poema !

.*.
.

5 comentários:

  1. nossa! a libedade que eu acredito e buscava, tudo preso na forma que desenvolveu esse lindo poema.

    ResponderExcluir
  2. *
    Obrigado,
    Seja bem-vindo!

    Bom ser contemplado com a Poesia nossa e a de outrem, quando as palavras se nos encontram.

    Saudações Poéticas!

    *

    ResponderExcluir
  3. Entre um paladar e outro somos apaixonados por sua meiguice. Elas sempre acima de qualquer prato.
    Alimento de mãe é seio e mel.
    Lindo poema.

    Obrigada por sua visita.
    Beijinho.
    Fernanda.

    ResponderExcluir
  4. *
    Grato pelos comentários, sensibilidades!

    Cheirabraços e Saudações Poéticas!
    *

    ResponderExcluir

Bem-vind@! Sinta-se à vontade para comentar

Seguir